Pesquisar:

"VIGÍLIA FOTOGRÁFICA" DIÓNIS 2017, NO RESTAURANTE CLAUSTRO MONFORTINO DA EHF

A “Vigília Fotográfica” da Diónis, está patente no restaurante Claustro Monfortino, que voltou à actividade no início deste período letivo, no âmbito da rubrica Arte no Claustro, que pretende juntar o prazer pela gastronomia com o gosto pela arte, trazendo, todos os meses, um artista ao espaço do Restaurante de Aplicação da Escola de Hotelaria de Fátima.
A DIÓNIS, TEATRO DE GRUPO, CRL, com sede no Centro Comercial Fatimae, em Fátima, é desde 21 de março de 2015 uma cooperativa do ramo cultural, sem fins lucrativos, que tem como objeto social a produção e promoção de teatro, dança, música, artes performativas, produção audiovisual, bem como a formação … e a realização de atividades culturais e outras conexas que contribuam para a preservação das tradições culturais da região.
DIÓNIS, deriva do nome Dionísio, deus do teatro, do vinho e da alegria, na mitologia grega, a quem de diversas formas se pretende prestar tributo.
Não obstante outras iniciativas culturais, o projeto do grupo assenta em três pilares fundamentais:
1-Produção, encenação e apresentação de espetáculos de teatro infantojuvenil, direcionados aos alunos das pré-primárias e ensino básico.
2-Promoção/oferta de uma agenda cultural diversificada para Fátima.
3-Criação de novos públicos, com incidência na população mais jovem da região de Fátima.

A “Vigília Fotográfica – DIÓNIS 2017” agora em exposição no “Claustro Monfortino”, foi um concurso de fotografia realizado nos dias 12 e 13 de maio de 2017, em Fátima, por ocasião da vinda do Papa Francisco, no âmbito das comemorações do Centenário das Aparições.
Os objetivos do concurso foram o de contemplar Fátima como local de busca de alimento espiritual necessário à descoberta de razões para viver. Fátima de ação e de petição de graças.
Observar, registar e compreender momentos de fé que levam à superação do ser humano, peregrino, perante o sofrimento e a adversidade.
Promover e partilhar diferentes formas de sentir e diferentes olhares sobre o fenómeno Fátima e sobre a sua mensagem.
Houve 2 Temas a concurso: “Rosto de Fátima” e “Tema Livre”, tendo sido atribuídos três prémios por tema a concurso, além de uma Menção Honrosa.
Foram apresentadas mais 100 fotografias a concurso, de ambos os temas, e os os trabalhos estiveram expostos nos antigos Paços do Concelho de Ourém
A INSIGNARE mantém em constante actualização as colecções expostas nesta pequena “galeria” artística, procurando trazer a Arte dentro de portas para os seus alunos e público em geral, potenciando e divulgando sobretudo referências culturais da cidade e da região.