Pesquisar:

"(In)coerências" - Fotógrafa Carla de Sousa expõe no Claustro Monfortino

O Claustro Monfortino, restaurante de aplicação da Escola de Hotelaria de Fátima, junta todos os meses o prazer da arte e da gastronomia através da iniciativa “Arte no Claustro”, expondo os trabalhos de um artista para apreciar enquanto se vai degustando as maravilhosas refeições criadas e servidas pelos nossos alunos. Alimenta-se o corpo e o espírito.

A partir de dia 2 de novembro, o Claustro Monfortino recebe a exposição “(In)coerências” de Carla de Sousa.

Natural de Luanda, Angola, a autora, dedica-se de forma regular à arte fotográfica desde 2012. A par da fotografia digital, a fotografia móvel é outro dos seus registos característicos. Assume que este último funcionou como catalizador de uma paixão tardia pela arte fotográfica. É membro fundador do coletivo fotográfico, Zenith9 – Associação de Fotógrafos.

Caracteriza da seguinte forma o trabalho que vai expor: “A cor e a sua ausência. A natureza e a tímida humanização do espaço. A melancolia e a esperança. A sombra e a luz. Manifestações dialéticas do ser e da sensibilidade de um olhar que se fixa no detalhe e na luz.

Doze olhares, reveladores de uma viagem pessoal da autora por vários lugares de Portugal que, se assume igualmente como percurso interior e espólio de memórias, visuais, olfativas, sensoriais e espirituais.

Doze olhares, escolhidos, aparentemente sem conexão entre si, questionam e dirigem um convite ao intérprete à reflexão e ao encontro de uma matriz condutora que façam da aparente incoerência, sentido e direção.”

 

O seu trabalho é divulgado em várias plataformas digitais, designadamente:

- www.instagr.am/carlaoliveirasousa,

- www.behance.net/carladesousa,

- https://www.flickr.com/photos/carladesousa

- e, mais recentemente, através de conta portfólio por convite em https://www.lensculture.com/carladesousa 

Imagens