Pesquisar:

Dr. Joaquim Paulo, CEO do Grupo Lena, partilha a sua visão sobre empreendedorismo na EPO

 

 

 

 

 

 

 

A Escola Profissional de Ourém recebeu na sexta-feira, dia 16 de Março, no seu auditório, um convidado muito especial: Joaquim Paulo Conceição, CEO do Grupo LENA, docente do IPL e Doutorando em Marketing e Comércio Internacional, que transmitiu a sua visão pessoal sobre os princípios basilares do empreendedorismo. Perante uma plateia composta pelos alunos do 3º ano dos Cursos de Construção Civil, Energias Renováveis, Design e Gestão, o convidado revelou-se um comunicador verdadeiramente inspirador, fazendo uso de um tom informal e descontraído, num registo sempre bem-humorado. O tema tratado, sendo da maior relevância no actual enquadramento social e económico, adquiriu no seu discurso contornos simultaneamente divertidos e cativantes. 
 Segundo Joaquim Paulo, o empreendedor é alguém que ousa e que arrisca, tomando como lemas a resiliência, a confiança e o otimismo. É também alguém que define uma estratégia clara, não perdendo de vista o rumo e a direção traçadas, sabendo desde logo destacar os fatores de diferenciação da sua empresa. O empreendedor age, mas sobretudo possui a humildade de saber ouvir, de estar atento ao seu tempo e aos seus contemporâneos, bem como às mudanças próprias de cada ciclo. A satisfação permanente dos desejos de outrem é o seu objetivo final, o que implica um grande espírito de compromisso, e uma fonte inesgotável de esforço, mas também de esperança.  
 O orador deixou claro que uma boa ideia é fundamental, mas só adquire verdadeiro impacto quando existe uma boa capacidade para a comunicar. Num registo de sinceridade, admitiu também que o empreendedor deverá estar preparado para lidar com diversas adversidades e com os elementos erro e contrariedade, devendo adoptar uma postura de flexibilidade e uma crença inabalável nas suas potencialidades e na sua capacidade de realizar os seus sonhos.
A comunicação teve o condão de mobilizar o entusiasmo da plateia, saldando-se por um impacto positivo bem visível nos comentários dos alunos presentes. Dela ficou a ideia de que o encantamento, não perdendo de vista a rentabilidade, é o fundamento da resistência ao medo e à angústia dos tempos que vivemos. Nesse sentido, o empreendedor é um arauto de resistência, do otimismo e da mudança. 

Obrigado, Dr. Joaquim Paulo, pela excelente aula de empreendedorismo com que nos agraciou.
Os docentes de Área de Integração
César Adão e Margarida Rodrigues

Imagens